img

Visão geral
da competição

2016 • AMÉRICA LATINA E CARIBE

icons
• Visão geral da competição de 2016 •

290 cidades concorreram a milhões de dólares para tornar realidade sua ideia inovadora para a cidade.

São Paulo ganhou o grande prêmio de USD 5 milhões. Quatro cidades (Bogotá, Medellín, Guadalajara e Santiago) receberam prêmios de USD 1 milhão cada uma para tornarem realidade suas ideias.

AS CIDADES LEVANTARAM UM PROBLEMA GRAVE, DESENVOLVERAM UMA SOLUÇÃO INOVADORA E APRENDERAM COM ESPECIALISTAS GLOBAIS

VEJA COMO FOI A COMPETIÇÃO
  • 20 DE JANEIRO DE 2016

    Lançamento da competição!

    timeline-icon1

    Cidades da América Latina e Caribe com populações de 100.000 ou mais habitantes foram convidadas a se inscrever no Mayors Challenge.

     
  • Janeiro de 2016 – Março de 2016

    Início do processo

    timeline-icon3

    As cidades definiram os problemas graves que desejavam resolver e as ideias inovadoras começam a surgir. Essas ideias deveriam resolver desafios urbanos e melhorar a vida na cidade.

     
  • 15 de março de 2016

    Cadastre-se

    timeline-icon2

    Para entrar na competição, as cidades se inscreveram pelo site. Todas as cidades precisavam se inscrever até o prazo final para competir.

     
  • 15 de abril de 2016

    Apresentação da sua inscrição

    timeline-icon4

    As cidades enviaram suas ideias iniciais por meio de um processo de inscrição que incluía 23 perguntas.

     
  • Junho de 2016

    Anúncio dos finalistas

    timeline-icon5

    As 20 cidades com as melhores ideias foram convidadas a prosseguir na competição e receberam apoio para que suas ideias evoluíssem de boas para grandes ideias.

     
  • Julho de 2016

    Campo de ideias

    timeline-icon6

    As equipes de cada uma das cidades finalistas participaram de um workshop de dois dias com especialistas globais e colegas profissionais para fortalecer e ampliar suas ideias originais.

     
  • Setembro de 2016

    Reenvio da proposta

    timeline-icon7

    Os finalistas aprimoraram e reapresentaram suas inscrições para concorrer a um dos cinco prêmios.

     
  • Novembro de 2016

    Anúncio dos 5 vencedores!

    timeline-icon8

    A primeira colocada, São Paulo, recebeu USD 5 milhões e quatro cidades (Bogotá, Medellín, Guadalajara e Santiago) receberam prêmios de USD 1 milhão cada uma.

     
  • Apoio à implementação

    timeline-icon9

    As cidades vencedoras participaram de um programa de apoio intenso, durante o qual receberam consultoria de colegas e especialistas para ajudar na execução de seus projetos visando ao sucesso de longo prazo.

AS INSCRIÇÕES FORAM AVALIADAS COM BASE EM QUATRO CRITÉRIOS DISTINTOS.

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO
  • img
    Visão

    O Mayors Challenge é uma competição de inovações. As ideias devem ser inovadoras e criativas e devem incluir uma abordagem nova para solucionar um dos problemas da cidade.

  • img
    Impacto

    Para ter sucesso na competição, as ideias devem resolver um problema grave, melhorar o serviço público para habitantes ou empresas, criar ganhos de eficiências significativos para o governo e/ou aumentar o compromisso público. As ideias devem cuidar muito bem de uma dessas quatro coisas, mas as ideias mais bem-sucedidas provavelmente afetarão mais de uma.

  • img
    Implementação

    Os planos de implementação podem não estar totalmente desenvolvidos, mas as cidades devem demonstrar seu compromisso e um caminho viável para colocar em prática suas ideias. Isso inclui conseguir o apoio dos principais interessados.

  • img
    Possibilidade de transferência

    As ideias vitoriosas não beneficiarão apenas a cidade que as criou, mas se espalharão e terão sucesso em outras cidades. Estamos buscando abordagens que resolvam problemas que outras cidades enfrentam. Outras cidades devem ser capazes de importar e adaptar as melhores ideias para beneficiar seus cidadãos.

 

 

• Comitê de Seleção 2016 •

Reunimos um comitê de seleção para auxiliar a Bloomberg Philanthropies a selecionar as vinte cidades finalistas e, depois, as cinco vencedoras.

O comitê de seleção era composto de vários especialistas em inovação e política urbana da América Latina e do Caribe.

  • committee member

    El Salvador

    Carolina Avalos Burgos

    Professora visitante no Centro David Rockefeller de Estudos Latino-Americanos da Universidade de Harvard, Mestre pela Universidade Vanderbilt e KU Leuven

  • committee member

    Brasil

    Ilona Szabó de Carvalho

    Fundadora e Diretora Executiva do Instituto Igarapé

  • committee member

    México

    Jose Castillo

    Diretor no escritório 911SC arquitectura

  • committee member

    Argentina

    Marta Cruz

    Sócia-fundadora e COO da NXTP Labs

  • committee member

    Estados Unidos

    Manny Diaz

    Ex-prefeito da cidade de Miami

  • committee member

    Colômbia

    Catalina Escobar

    Fundadora e Presidente da Fundação Juan Felipe Gómez Escobar

  • committee member

    Dinamarca

    Sascha Haselmayer

    Co-fundador e CEO da Citymart

  • committee member

    México

    Mauricio Hernández-Ávila

    Diretor-Geral do Instituto Nacional de Saúde Pública e decano da Escola de Saúde Pública do México

  • committee member

    Venezuela

    Ellis J. Juan

    Coordenador Geral da Iniciativa Cidades Emergentes e Sustentáveis no Banco Interamericano de Desenvolvimento

  • committee member

    Peru

    Fuad Khoury

    Ex- Controlador Geral da República do Peru

  • committee member

    Chile

    Juan Felipe López Egaña

    Diretor Executivo do Laboratório de Gobierno (LabGob) Chile

  • committee member

    Estados Unidos

    Beth Simone Noveck

    Professora da rede global Jerry M. Hultin Global Network na Universidade de Nova York e diretora do laboratório de governança da Universidade

  • committee member

    Brasil

    Tiago Peixoto

    Líder de Equipe da Unidade de Engajamento Digital do Banco Mundial

CIDADES FINALISTAS PASSAM POR UM PROCESSO DE DELIBERAÇÃO PARA AMPLIAR, FORTALECER E APERFEIÇOAR SUAS IDEIAS

APOIO AOS FINALISTAS

O apoio dos finalistas tornou cada ideia mais forte, melhor e pronta para implantação.

As cidades finalistas foram acompanhadas por coaches em inovação, tiveram acesso a profissionais e especialistas em inovações do mundo inteiro e foram expostas a métodos muito interessantes de inovação para melhorar suas ideias. O processo colaborativo foi criado para tornar a ideia de cada cidade mais forte, melhor e pronta para implantação.

img
Campo de ideias

Uma das marcas do Mayors Challenge é o campo de ideias. As cidades finalistas se reúnem por dois dias para aprimorar e fortalecer suas ideias, trabalhando de perto com especialistas mundiais e servidores públicos de outras cidades para desafiar suas suposições e aumentar o impacto de sua ideia. Como Michael Bloomberg diz, “No campo de ideias, os concorrentes se tornam colaboradores e isso é muito poderoso.”

  • camp_img

    Treinamento

    As sessões de trabalho oferecem aos participantes a oportunidade de compartilhar suas ideias, fazer perguntas e receber feedback.

  • camp_img

    Especialistas mundiais

    A Bloomberg Philanthropies desenvolveu uma rede internacional de profissionais e especialistas em inovações para compartilhar melhores práticas e aconselhamento.

Você tem outras perguntas? Leia nossas Perguntas frequentes

• REGRAS •

Regras e elegibilidade da competição

  1. Sua cidade deve estar localizada na América Latina ou Caribe. Clique aqui para verificar a elegibilidade de sua cidade.

  2. Sua cidade deve ter pelo menos 100.000 habitantes dentro da divisão administrativa da cidade.

  3. As inscrições devem ser enviadas pela prefeitura ou por uma secretaria (ou o equivalente ao órgão administrativo central local) sob a direção de um executivo ou órgão autorizado (por exemplo, prefeito, vice-prefeito, diretor executivo, administrador da cidade ou equivalente).

  4. Cada cidade pode enviar somente UMA inscrição. Embora a cidade possa envolver parceiros de outras entidades governamentais na criação da ideia, a inscrição enviada deve ser de um único órgão municipal. O responsável por preencher a inscrição online deve ser designada pelo servidor público autorizado ou prefeitura da cidade.

  5. Para concorrer, cada cidade deve se cadastrar pelo site até 15 de março de 2016.

  6. Você deve enviar sua inscrição online até 15 de abril de 2016. Você pode enviar a inscrição a qualquer hora do dia 15, desde que ainda seja 15 de abril em sua cidade. Todas as inscrições devem ser enviadas por este site. As inscrições podem ser enviadas em espanhol, português ou inglês.

  7. A Bloomberg Philanthropies poderá publicar a lista de cidades participantes em qualquer momento da competição.

  8. Depois que a cidade tiver enviado a inscrição, a Bloomberg Philanthropies poderá divulgar aspectos relativos à inscrição. (Isso se aplica principalmente a cidades que foram selecionadas para prosseguir como finalistas ou vencedores.)

  9. O dinheiro do prêmio recebido pelas cidades destina-se à implementação das ideias vencedoras, de acordo com as leis aplicáveis. Os financiamentos serão distribuídos em um período de dois ou três anos, dependendo dos detalhes do projeto. Quaisquer fundos excedentes devem ser usados para ajudar a desenvolver a capacidade de inovação da cidade vencedora.

  10. Cada concorrente deve concordar com qualquer e todos os termos e condições legais da Mayors Challenge.

imgParticipe da conversa!